Loading...

Alongamentos Matinais

10.01.2022 0

O alongamento é uma prática fundamental para o bom funcionamento do corpo, proporcionando maior agilidade e elasticidade. Quanto mais uma pessoa alongar os seus músculos, maior será a sua amplitude articular e flexibilidade muscular, o que auxilia, inclusive, a prática de qualquer tipo de atividade física.

O alongamento deve ser feito em qualquer altura do dia, sendo as que consideramos mais relevantes são:

  • Após o acordar. O nosso corpo, durante o sono prolongado (6-8h) mantém a mesma posição, promovendo alguma rigidez muscular e articular.
  • Durante o período de trabalho ou estudo, especialmente quando mantemos por longos períodos a mesma posição corporal. Realizar 5 min de alongamentos a cada 2/3h poderá ser benéfico para o seu corpo, aliviando algum desconformo e promovendo mesmo, uma otimização da concentração e produtividade.
  • Depois de qualquer tipo de atividade física, promovendo uma maior sensação de relaxamento que pode ser benéfica para algumas pessoas.

Hoje, neste artigo, destacamos os benefícios dos alongamentos matinais.

Como referimos anteriormente, durante o sono o nosso corpo permanece, por norma, na mesma posição, o que cria uma certa rigidez articular a muscular. Se associarmos ainda à idade, a verdade é que esta rigidez articular tende a aumentar com o avançar da idade. Quanto mais o corpo humano envelhece, mais os músculos, bem como as articulações, minimizam a possibilidade de se movimentar. A falta de amplitude torna o movimento mais lento e com menos fluidez, a pessoa fica mais suscetível a lesões e tensão muscular acumulada.

Para além disso, durante o sono, como o corpo por norma permanece deitado na mesma posição, e por norma o fluxo sanguíneo é menor, alongar ajuda no aumento do fluxo sanguíneo nos músculos. Esse aumento promove a permeabilidade dos músculos a nutrientes, facto que ajuda a acelerar a recuperação das lesões musculares e articulares e também tem impacto na regulação da tensão arterial. Alongar os músculos não só alivia a fadiga, como também atrasa o seu aparecimento, aumentando a capacidade de produzir esforço durante mais tempo.

Todos nós preferimos acordar bem-dispostos e com boa energia para superar os desafios do dia. Os alongamentos matinais ajudam a produzir endorfinas, como a serotonina que traz sentimentos de alegria, felicidade e euforia. A serotonina dá uma sensação de bem-estar geral, o que ajuda a lidar com problemas de saúde mental, como depressão e ansiedade. Paralelamente, o acordar cedo ao som do toque do despertador pode criar algum tipo de stress, que por sua vez faz com que os músculos fiquem tensos e se contraiam. Neste sentido, os alongamentos matinais irão ajudar a levantar com mais leveza e menor rigidez. Além de evitar tudo isto, alongar pode também proporcionar um melhor equilíbrio e coordenação motora geral, principalmente se estiverem associadas patologias como escoliose, lordose, artrite, fibromialgia ou osteoporose.

Fazer 5 minutos de alongamentos todos os dias é um investimento temporal reduzido no nosso dia a dia, mas que pode ter grandes benefícios para o nosso bem-estar geral e nada como começar logo pela manhã.

Deixamos-lhe a nossa sugestão de uma rotina simples e prática que pode fazer logo ao acordar:

Deitado sobre a cama, Espreguiçar todo o corpo

Alternadamente, trazer um joelho de cada vez contra o peito

Rodar o corpo de lado na cama, e com a ajuda dos braços, sentar. Na posição sentado deixar enrolar a coluna (trazendo o queixo ao peito, expirar e descer até um aponto confortável e à medida que inspira, volta à posição inicial).

Cruzar um braço sobre o peito e alongar o seu ombro. Repetir para o outro lado

Em pé, apoiando uma mão sobre um móvel, fletir uma perna aproximando o calcanhar do glúteo. Repetir para o outro lado.

Realize este exercício sem dor ou desconforto articular, caso contrário avance para o próximo exercício.

Para terminar, em pé, voltar a espreguiçar todo o corpo (inspirando, enchendo o seu peito com ar), e se sentir bem, deixar soltar o tronco, balançando para a frente (ao expirar, libertar todo o ar).

É importante que cada pessoa respeite o próprio corpo, fazendo alongamentos de forma gradual, a fim de não forçar muito os seus músculos. Então, é fundamental que todos os movimentos sejam executados lentamente. É indicado que a realização de alongamentos em cada parte do corpo, ou grupo muscular, dure entre 15 e 30 segundos sem interrupções.

Bons alongamentos e um bom dia, com mais energia!