Loading...

Benefícios da Perda de Peso em Massa Gorda

12.07.2021 0

A perda de peso em massa gorda ainda está muito associada à parte estética, mas cada vez mais temos percebido a importância deste processo na saúde em geral, promovendo benefícios para as pessoas, tanto em termos físicos, como psicológicos e emocionais.

Neste artigo vamos destacar benefícios gerais da perda de peso, em massa gorda, que pode alcançar através de um plano nutricional adequado e da prática de exercício físico regular.

  1. Melhoria da Performance

Estejamos a falar de performance desportiva ou da performance associada à realização dos movimentos no nosso quotidiano, é sempre bom reforçar que vamos com o peso ideal iremos conseguir movimentar-nos como queremos. Imaginem ter, permanentemente, uma mochila com 5 ou 10kg às costas e tentar ir correr, saltar ou subir escadas. Se de seguida fizerem as mesmas actividades sem esse peso, vão conseguir facilmente correr mais rápido, saltar mais alto e subir as escadas mais depressa e sem desconforto osteoarticular, tornando-se mais eficiente e eficaz no seu dia-a-dia.

  1. Articulações Mais Saudáveis

A redução de peso ajuda a diminuir a tensão sobre as articulações, bem como, pelo contrário o excesso de peso aumenta a tensão sobre as articulações. Ter um estilo de vida activo e praticar exercício de forma regular irá ajudar a manter as nossas articulações saudáveis, fornecendo a estas o movimento que elas necessitam. No entanto, é fácil perceber que o excesso de peso pode transformar um exercício físico saudável numa actividade que vai sobrecarregar ainda mais as articulações, pondo em causa a sua integridade, aumentando desta forma o risco de lesão. Portanto, toda a prática de exercício físico deve ser antecipada por uma avaliação física e funcional para que realizar exercício físico de forma segura e o mais individualizado possível.

  1. Peso Mais Saudável

Existem cada vez mais evidências de que o excesso de peso em massa gorda está intimamente relacionado com o aumento do risco de diabetes, colesterol e hipertensão arterial, sendo todos estes fatores, indicadores de risco para a incidência de doenças cardiovasculares. Um plano nutricional, e alimentar, adequados, bem como, a prática de exercício físico regular, irão como coadjuvante terapêuticos de várias doenças, entre elas as doenças cardiovasculares, contribuindo ainda, de forma preventiva, para o aparecimento dos seus factores de risco.

  1. Menos Ansiedade e Depressão 

Desde os anos 80 que diversos estudos têm demostrado que a prática regular de exercício físico ajuda a melhorar o humor e boa disposição das pessoas com depressão, podendo desempenhar ainda um papel de suporte no tratamento em casos de depressão profunda.

No que diz respeito à ansiedade, os estudos sugerem que a prática de exercício físico moderado, realizado de forma regular, leva a alterações a nível cerebral que faz com que as pessoas fiquem menos susceptíveis aos aspectos negativos de stress e ansiedade, quando comparadas com pessoas sedentárias.

  1. Melhor Qualidade de Sono

Dormir é das melhores formas do nosso corpo descansar e recuperar. Para além de melhorar o nosso humor e reduzir o stress, sabe-se que o exercício físico ajuda a melhorar a qualidade do sono, o que por sua vez ajuda a estar mais activo e alerta durante o dia, bem como promove melhorias ao nível da apneia obstrutiva do sono (suspensão da respiração).

Tendo em conta todos estes benefícios, percebe-se que a manutenção de um peso corporal e massa gorda saudável tem um papel fundamental, não só na nossa longevidade, como também na nossa qualidade de vida.

Começamos hoje? Agende já a sua consulta de nutrição e avaliação física num dos nossos clubes Solinca.

Referências:

Tumminello, N. (2014). Strength Training For Fat Loss. Human Kinetics.